Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2012

Realistic promises

Something that is very frustrating, upsetting, even depressing, is a promise that is not kept. It might be someone else's promise. He/She promised to be there and did not show up, the wedding vows broken, the date due not honored, the satisfaction guarantee or money back never true. We suffer when someone does not keep his/her word. Or, it could be our promises. Words said to our children, to our spouse, to our supervisor...soon forgotten. What about the promises we make to ourselves, breaking these could be worse. "Starting today I will lose weight." " This is the last time I will do this." "Yes, I will quit."  "I will never again..." "From now on I will always." Why is that we are not able to keep them? Maybe because most of our promises are impossible to be kept.  We ramble about losing weight, recovering trust, starting something, quitting, avoiding temptations. But since we do not ponder enough on them, in a realist…
“A única coisa pior do que uma pessoa que você não consegue controlar e uma que você consegue,”
(Margo Kaufman)

Consulado de Guaíba promove campanha social

Foi encerrada neste sábado (16/6) a campanha do agasalho promovida pelo consulado do Internacionalem Guaíba-RS. Atocontínuo, foi realizada a entrega dos donativos ao pastor Marcelo Muller, capelão da Ulbra-Guaíba, que trabalha no Ulbrasol, movimento que beneficia a pastoral comunitária da Vila Nova Guaíba e o bairro São Francisco. Foi arrecadada cerca de uma tonelada de agasalhos e brinquedos. Este é o quinto ano que o consulado realiza a campanha, sempre buscando ajudar entidades sociais.
Continue lendo e veja a foto


Nuvem

Às vezes, você e eu somos pessoas-nuvem, concorda comigo?
Olhe para um céu azul com nuvens. Aqueles, bem espessas, que parecem algodão doce. Elas transmitem serenidade, calma, “fofura”. Parece que daria para deitarmos em uma delas, como um colchão, e tirar uma soneca;  ou apreciar, lá de cima, a criação de Deus. Podemos ainda procurar formas, objetos, rostos. Olhando de fora, nuvens assim são calmantes naturais.  
Mas quem voa de avião sabe que a história é diferente.
No interior das nuvens, estão as turbulências. Fracas, médias ou muito fortes. O que aparentemente é tranqüilo e “fofo”, no interior é turbulento e traz um dos momentos de tensão que a viagem de avião pode ter.
Nós, pessoas-nuvem em alguns momentos, somos assim. Por fora estamos sorrindo, tudo parece estar fofo e bem. Mas no interior, a turbulência é grande. A angustia chacoalha. A tristeza nos deixa instáveis, pensando que não vamos conseguir continuar.
Mas, aqui, vale continuarmos com o exemplo da aviação. Se…
“O coração do homem traça seu caminho, mas é o SENHOR quem lhe dirige os passos”
(Livro de Provérbios, 16.9)

“...e agradeço muito por isto”

“Boa tarde Pastor Lucas,

Tudo bem com você?... Estou entrando em contato apenas para agradecer suas mensagens. Sinceramente, eu gosto muito das suas mensagens, pois SEMPRE, trazem uma assunto do nosso dia a dia. Seja ele da vida pessoal ou profissional. E sempre acaba relacionado com o que a Palavra de Deus nos diz. Também, gosto porque são mensagens curtas, mas muito eficientes.

Suas mensagens trazem algo para elevar nosso espírito e pensamentos ao Senhor. Hoje não estou indo em nenhuma igreja, mas sempre faço minhas orações. Até porque eu sou um milagre de Deus. No dia 09 de março de 2012, eu sofri um acidente de moto. Um caminhão me atropelou e eu fraturei a perna direita. Desta fratura exposta que eu tive, subiu uma "gordura" de dentro do osso pela corrente sanguínea, e foi parar nos pulmões. Nisto, tive parada respiratória, e graças a Deus que minha prima irmã estava comigo no momento em que passei mal. A enfermeira mediu com uma aparelho a oxigenação no san…
Quem perdoa, e não quem se vinga, consegue, de fato, esquecer.

Connection

As we live with people, we not only have relationships, but end up connecting our lives to their lives. As we get to know each other better, the connection becomes stronger and lasting. And this we consider a good thing, don’t we? Well, not always.

Some connections might put us into trouble. This is what we can see with politicians, when they are accused of illicit connections. In these last week in Brazil many politicians are trying to prove that they are not connected to a well known briber called Carlinhos Cachoeira. For many connections to him are popping up in the news. However, the danger is found not only in “Cachoeiras” (waterfalls, in Portuguese). It is also in the small reservoirs filled with putrid water and wells with stagnant water around us.  The danger of harmful connections is not only “out there” but sometimes closer than we might think.

In the gospel of John, chapter 15, Jesus says that he is the vine and those connected to him are the branches. He who is …

Perdão

Nesta semana, foi aprovada pela Câmara Federal a medida provisória número 559, que, entre outros temas, traz o ProIES, condição que beneficiará cerca de  500 universidades comunitárias e filantrópicas em todo o Brasil. A redação desta medida traz a possibilidade de que até 90% da divida destas instituições com a União seja convertida em bolsas, ficando os 10% restantes para pagamento em dinheiro.
Alguns órgãos de imprensa, ao falarem desta troca, utilizaram a palavra “perdão”.(outros acharam que praticamente só a Ulbra seria a grande beneficiada, ignorando as demais 499...). Mas o ponto é que este vocábulo foi aqui empregado de uma maneira que não condiz com seu sentido original
Na verdade, quando se olha mais de perto o texto da MP, logo se vê que de perdão não existe nada. Além do pagamento da dívida por bolsas, o que em si já não perdoa a divida, há também pontos do texto que incluem concessões que as instituições deverão fazer. Como já sabemos, nada, ou quase nada nest…

Engarrafamentos

Com o aumento do número de veículos em circulação, especialmente nas grandes cidades, eles passaram a nos fazer companhia diária. Aqueles torturantes minutos, talvez horas, de perda de tempo e combustível que quase sempre prejudicam nosso humor. Dificilmente alguém responderia ‘sim’ á pergunta “você gosta de um engarrafamento?” Entrar em um deles costuma ser sinônimo de demora, mau humor, atraso para compromissos.
Mas talvez tudo dependa de para onde estamos indo ou o que estamos esperando.
E se estivermos indo para um jogo importante, ou seguindo naquela longa fila de carros comemorando a conquista de um campeonato? Se estivermos indo para uma festa em que a multidão de carros indica que ela está ‘bombando”? Ou se estamos indo ao encontro da pessoa amada?
Pode ainda não ser o melhor dos mundos. Mas tenho certeza de que nossa espera neste engarrafamento terá um clima totalmente diferente.
O que esperamos para a vida que temos à frente? O que esperamos para depois desta vida…

Pastoral Visita: CEULS, Santarém, PA

Situada à beira do Rio Tapajós, no ponto em que as águas deste se encontram com as do Amazonas , Santarém, cidade paraense de 300 mil habitantes, conta com o trabalho da ULBRA já há 23 anos, através do CEULS (Centro Universitário Luterano de Santarém). E o trabalho pastoral, liderado pelo Rev. Maximiliano Wolfgramm Silva, também é o encontro das águas de oportunidades e desafios.

Capelão do CEULS desde 2008, o Rev. Max, doutorando em Teologia pelo Concordia Seminary de St. Louis. EUA, atua em diversas frentes, desde a Escola de Ensino Fundamental e Médio até o Ensino Superior, liderando devocionais, aulas de Cultura Religiosa, Palestras, ações no Hospital local, trabalho pastoral e comunitário, entre outros. Além disso, atua como Coordenador Regional Norte e Centro-Oeste da Capelania Geral e também como conselheiro do Distrito Amazônico da IELB.

Em vídeo, saiba mais sobre o trabalho local!:


O projeto “Pastoral Visita”, em sua segunda temporada no ano de 2012,  teve origem no objetivo d…

Reencontro

Imagem
No dia primeiro de junho deste ano, eu e os colegas de formatura de 8ª série do Colégio Luterano Concórdia, turma de 1989, tivemos a mesma alegria: a do reencontro. Depois de uma avalanche de emails e posts no Facebook, foi marcada a data de reviver, ao vivo, muito do que aquele tempo guardou.  Estudamos juntos por um bom tempo; eu, desde a 6ª série, alguns, desde o primário.
Na data combinada, além dos amigos, estiveram presentes também alegria, risadas, lembranças dos ‘micos’ e dos talentos e marcas que cada um deixou. Para mim, o fato de destaque deste evento foi notar que a amizade foi retomada do mesmo ponto deixada há 23 anos. Os caminhos se separaram, as vidas seguiram seu rumo. Houve conquistas, ganhos, perdas... Mas naquele dia tudo voltou ao ponto em que parou. “Parece que foi ontem” foi um dos chavões mais repetidos da noite. Quando se trata da vida de fé, temos também um grande amigo, Jesus Cristo, do qual algumas vezes nos afastamos e seguimos rumos diferentes. Só …

Conexión

En el convivio con personas, establecemos no solamente relaciones, pero también, construimos conexiones. Cuando en nivel del relacionamiento se profundiza, nos conectamos al otro de una forma constante y duradera.
Bueno, no siempre.
Algunas conexiones pueden complicarnos. Es lo que sucede en el centro de Brasil hoy. Conexiones son hechas a la persona de “Carlinhos Cachoeira” (Carlos Cascada), y por consecuencia, sus actos ilícitos de corrupción. Y puede haber mucha gente nerviosa por las nuevas conexiones que pueden aparecer. Esto porque no solamente llevan una persona, pero, a un conjunto de valores y actitudes en la vida pública y privada.
Pero, no solamente en las “cascadas” encontramos el riesgo. También en aguas sucias, o en los pequeños lugares con aguas paradas, bien cercano de nosotros. Alli están las tentaciones de establecernos conexiones, que primeramente son buenas, pero que traen contaminación para dentro de nuestras vidas y corazones.

En el evangelio de Juan…

Pleasing

A broom as a gift to a woman. A high heel for a man. A Math exercise book to make a child happy. Is there any chance that could work?

Maybe, if our intention is to “annoy” or even to “make angry”. But if we actually want to please someone, these gifts are not right. Probabilities of pleasing someone with them are almost zero.

However, at many times something similar happens when we think we are pleasing God. We offer him an occasional visit to His house, a package filled with excuses for what goes wrong, some pennies for a noble cause. “I don’t kill and don’t steal” is enough to demonstrate our integrity and “I pay all my bills” works as evidence that everything is going well in our lives. Just to mention a few examples.

No, it is not that easy to please God. Actually, by our own might, that would be impossible.

Thankfully, God was pleased with us first. Jesus Christ came to sweep away the condemnation, paying the debt on His cross. In his Book of books, we come to know this …

Promesas posibles

Se hay una cosa que nos frustra, molesta, y hasta deprime, son las promesas no cumplidas. Pueden ser las promesas de cualquier persona. Aquel que dijo que estaría allá, y no estuvo, la promesa de boda, la entrega en la fecha esperada, la satisfacción garantizada. Aquel individuo prometedor que acostumbró a no cumplir con lo que dijo. Pueden ser nuestras promesas. Las palabras no cumplidas a los hijos, al esposo (a), al jefe. Especialmente, cuando no cumplimos las promesas que hacemos a nosotros mismos. “A partir de hoy, voy rebajar de peso”. “Esta es la última vez que hago esto”. “Si, yo voy dejar este vicio”. “Yo nunca más hago…” ¿Por qué es que no siempre cumplimos?  Quizás, porque muchas de las promesas que hacemos son promesas imposibles. Hablamos en rebajar, ganar confianza, comenzar esto, parar aquel, dejar una tentación. Pero, como no son bien reflejadas, con una base realista, llevando en cuenta siempre nuestra fuerza y nuestra debilidad, son promesas impensadas. Y, …